Pages

Ads 468x60px

segunda-feira, 15 de abril de 2013

4

Fly - O Pequeno Guerreiro / Dai no Daibouken - Abertura da Semana

  

Esta animação foi exibida pelo SBT entre 1996 e 2002. Eu a assisti na primeira vez que passou, e era uma época muito boa pra assistir desenhos na tv. Fly era exibido entre Dragon Ball (a primeira fase) e Guerreiras Mágicas de Rayearth nos sábados de manhã.

Ele foi inspirado na franquia jogos de RPG japonês Dragon Quest, que fazia muito sucesso na terra do sol nascente, mas até então não tinha dado as caras no Brasil. A série trazia muitos elementos dos jogos, como as magias, os monstros e o lance de "evoluir" depois de cada desafio. Isso somado a um ótimo enredo e belas cenas de luta faziam deste um dos meus programas favoritos. Triste era aguentar a sua abertura.

Ela tinha cenas ótimas, mas a música, que começa com um tom épico, descamba pra algo medonho, com coro de crianças cantando uma musiquinha de dar cãibras no cérebro de tão ruim.


Clique no vídeo abaixo por tua conta e risco:



Só alguns anos depois que eu parei de assistir Fly é que um amigo me mostrou um cd que um amigo de um amigo dele tinha feito com vários temas de aberturas originais que ele tinha baixado da internet sei lá como, porque nem Napster existia ainda. Entre várias outras músicas legais que eu ouvi lá, uma delas me chamou a atenção porque eu conhecia os primeiros toques (que por sinal são característicos também nos jogos), mas não o resto. Esse meu amigo logo falou que era a abertura original de Fly, que no Japão se chamava Dragon Quest - Dai no Daiboken, e eu quase caí de costas porque não dava nem pra imaginar que aquela abertura podia de alguma forma ser boa.


Peguei uma fita VHS que eu tinha gravado com alguns episódios desse anime e sincronizei a música com a abertura para saber como ela era no original, e quase chorei de raiva de saber que sofri tanto por causa de algum maluco sem noção da empresa que lançou esse desenho no Brasil, que teve a ideia estúpida de colocar aquela porcaria de música no lugar de outra tão fodástica.

Então solta o play aí na grande abertura original!



Capa da trilha sonora.
Clique para ampliar
Apesar deste anime ter sido ótimo, ele não conseguiu muito sucesso no Japão e foi cancelado bem antes do término da trama (rumores dizem também que a razão do cancelamento foi desavenças entre a produtora do anime e a produtora do jogo). Só quem leu os mangás sabe como isto acabou. O SBT comprou os episódios sem nem se importar se aquilo tinha ou não um fim, e deixou todos os fãs da série confusos com a história que não foi concluída.

Pelo menos passaram, e assim pudemos conhecer a história. Pra quem se interessou, resta a alternativa de correr atrás dos mangás para saber como a série acabou.





Um dos mangás que basearam a série. Uma hora eu pego eles pra ler...




4 comentários:

  1. Ai sim um dos meus animes preferidos na época de moleque, bons tempos ver o goku criança depois fly, que anos depois fui saber que era dragon quest. Gostei muito mais da abertura em português.

    ResponderExcluir
  2. Ah, respeito sua opinião, mas eu confesso que gosto mais da abertura brasileira, kkkkk. Chorei cantando esses dias quando tocou na balada (naquele momento back to the past, rsrs) me sentindo o pequeno guerreiro, kkk! Lembro que na minha Escola a criançada fazia coral cantando essa música no recreio e as brincadeiras rolavam muitas.


    Agora, falando de jogos que viraram desenhos e vice-e-versa, vamos combinar que aquela sessão de desenhos que passava aos sábados às 9 da manhã no SBT era maravilhosa, amava todos os desenhos que por lá passou: Mega Man, Guerreiras Mágicas de Rayearth (é assim que se escreve?? rsrs!), Street Fighter, Fly, Dragon Ball, Bump... Fazia eu acordar cedo pra assistir, coisa que hoje em dia não tem nada na TV que me motive a fazer, kkk.


    Esses dias eu estava inconformado que fizeram desenho pro Angry Birds, tipo, curto esse joguinho, mas uma história de porquinhos que são acertados por pássaros nervosos porque roubaram os seus ovos me parece um enredo pobre demais para merecer um desenho animado na TV. Nossa geração foi muito mais feliz e tinha jogos e temas mais emocionantes para virar desenho animado. Desculpe se alguém gostou do desenho, respeito a opinião.

    ResponderExcluir
  3. Pois é, acho que eu fui o único chato que não gostou da versão brasileira da abertura. Realmente aquela seção de desenhos do SBT era muito boa, e vai aparecer mais aberturas daquelas aqui logo logo.

    ResponderExcluir
  4. Foi mesmo!! Pq eu adorava essa abertura. Isso sim é que é abertura com qualidade e uma letra digna para crianças, vc num imagina a lição de moral que ela transmitia na época, tanto que muitos não lembram do desenho mas da música sim rs

    ResponderExcluir

Obrigado pela participação! =D